8 PASSOS PARA RESOLVER CONFLITOS NA EMPRESA

Gestão de Conflitos

Quem nunca teve uma situação complicada no trabalho ou um conflito com alguém do seu time?  Principalmente se você tem a responsabilidade de liderar um grupo…

Isso acontece porque somos humanos e trazemos isso dentro de nós, mas quando desenvolvemos habilidades de liderança nós desenvolvemos também a habilidade de mediar tais conflitos.

Todos os projetos são compostos por pessoas, e cada pessoa tem um temperamento diferente, uma história de vida diferente, assim cada projeto terá uma personalidade única, e é normal que tenhamos conflitos…

Normalmente temos dois tipos de conflitos, aqueles que não chegam em lugar nenhum e só geram desconforto e aqueles que geram oportunidades para mudanças positivas, observação de erros, crescimento e amadurecimento.

É ruim passar pelo momento do conflito, mas no fim normalmente ele gera uma melhoria, e isso faz parte do ágil!

Geralmente os conflitos acontecem porque os processos estão mal definidos ou as ferramentas estão sendo mal utilizadas, então o ponto é tratar isso para que se resolva, e se por acaso não houve uma solução aí sim a resolução do conflito vai para uma análise pessoal do porque ocorreu.

Um ponto importante disso tudo é que conflitos não podem ser ignorados, eles precisam ser resolvidos.

A transparência é um fator crucial na hora de resolver problemas, se você não está se sentindo confortável com certa situação, converse, entenda, verifique qual a necessidade que não está sendo atendida para que tal conflito ocorra.

A IMPORTÂNCIA DO MINDSET NA RESOLUÇÃO DE CONFLITOS

gestão de conflitos

Para que os problemas não sejam apenas escondidos debaixo do tapete, não basta apenas você aprender a resolver os conflitos, é importante primeiro que você tenha um mindset de crescimento.

E o que é o mindset de crescimento? 

Esse termo é cunhado no livro Mindset: A Nova Psicologia do Sucesso da Carol Dweck, inclusive recomendamos esse livro!

O mindset de crescimento é quando você não apenas “engole” as coisas e pronto, é um modo de lidar com os problemas de forma construtiva, para que eles não sejam só conflitos, mas sejam uma ponte para evolução, seja ela pessoal ou profissional.

Pensando assim você irá levar as coisas como estados, e sendo estados, são mutáveis. 

Ficou meio complexo né… Mas é pensar que uma situação ruim não é ruim, ela está ruim naquele momento  mas pode melhorar, e a partir de então você começa uma análise para entender como modificar a situação.

TIPOS DE CONFLITOS

Nós separamos esses momentos de tensão em dois níveis: empresarial/equipes e pessoal.

Às vezes os conflitos ocorrem entre equipes da mesma empresa, entre setores e áreas, e as vezes eles ocorrem entre pessoas, e bom, nesse caso podemos dizer que o “buraco é mais embaixo”. 

Listamos também abaixo possíveis origens de tais conflitos:

Conflitos à Nível de empresa/equipes:

  • Problemas nas definições de processos;
  • Falhas nas definições de papéis e responsabilidades;
  • Posições opostas. 

Para esses pontos minha dica é: junte a equipe para trocar uma ideia sobre  o que está acontecendo, qual a função de cada um, quais as tarefas que estão incluídas nessas função e quais não estão… 

Ou seja, sempre defina tudo de forma colaborativa! 

E sempre tenha empatia com o outro time, se você é da equipe de desenvolvimento do projeto, tente entender o lado do comercial que fechou o pedido, e vice versa.

SEMPRE ENTENDA O LADO DO OUTRO ao invés de apenas julgar.

Conflitos à Nível pessoal

  • Tensões competitivas; 
  • Lutas de poder; 
  • Ego, orgulho e inveja; 
  • Discrepâncias de desempenho;
  • Alguém que simplesmente não está tendo um bom dia.

Nesses momentos estamos lidamos com emoções, com pessoas que tiveram criações diferentes…

Então se você é líder, entenda um pouco sobre isso, de emoções, de necessidades, uma dica que eu dou é você entender sobre Comunicação não Violenta, você pode ler mais no seguinte artigo: https://mindmaster.com.br/cnv-sem-frescuras/

Agora nós finalmente podemos falar das dicas para resolver os conflitos.

COMO RESOLVER CONFLITOS 

gestão de conflitos

1- Comprometa-se em resolver o conflito;

Não faça de conta que o conflito não existe

Encare o conflito, não jogue pra debaixo do tapete… Se você esconde esse problema, ele vai acabar aparecendo em outro momento de uma forma muito pior.

Pense que o conflito é um dragão que cresce a cada dia, e que se você esconder, jaja ele não cabe mais no lugar que você o colocou, e aí lidar com ele grande será bem mais complicado…

Quanto antes você encarar esse dragão, mais fácil será de resolver!

Para isso é importante a coragem! Nem sempre o conflito vai ser com um parceiro de time, um amigo, às vezes o problema é com seu superior, e sabemos que não é muito simples chamar seu chefe pra uma “DR” né? rs

Por isso, tenha coragem, vai com medo mesmo! Tente chegar em um acordo, uma solução que seja boa para os dois

2- Investigue as causas do conflito mais a fundo;

Essas causas podem ser dias ruins, problemas no processo, nas ferramentas, ou mesmo problemas pessoais no membro da sua equipe.

Afinal, quem nunca passou por problemas familiares por exemplo e externalizou no ambiente de trabalho de alguma forma?

Por isso é importante que você tenha sensibilidade ao trabalhar com o outros, e sempre lembrar que você não divide tarefas com uma máquina, mas sim com um ser humano, que possui sentimentos, problemas… 

3- Não procure uma pessoa para culpar, procure por uma causa raiz;

Não seja a pessoa que pergunta “Quem foi que fez isso?” .

Não personalize o problema, entenda mais os “porquês” do que o “quem”.

4- Saiba ouvir, tenha empatia e seja imparcial;

Essa dica é o CNV puro 😃

Ouça mais, entenda os motivos por trás dos acontecimentos. Geralmente por trás de um conflito temos uma necessidade que não está sendo atendida. 

Acredito que todo mundo aqui já ouviu aquela fala sobre o fato de termos dois ouvidos e uma boca para ouvir mais e falar menos… E é bem isso mesmo, primeiro ouça, entenda para depois tirar a sua conclusão e falar. 

Principalmente se você é o líder, é crucial que você tenha essa postura! 

O líder geralmente influencia a cultura da equipe, então seja empático para que seu time também seja.

5- Procure resolver todas as questões do conflito;

gestão de conflitos

Um conflito é como um iceberg, não adianta você sumir apenas com a ponta dele, ele irá continuar perigoso. 

Às vezes o problema está em vários processos, em várias fases, descubra onde ele nasce, para que assim o conflito não volte.

6- Saiba lidar com as rivalidades na empresa;

Competições e concorrências irão acontecer, é normal que tenha aquela comparação de indicadores entre os membros da equipe. 

Mas não leve isso para um conflito, se seu amigo marcou mais gol que você, isso não é motivo para que você deixe de passar a bola para ele. 

E se fizerem isso com você, tente resolver, tenha uma “DR COM CNV” 🤣

7-Incentive feedbacks diretos;

Isso se alinha com a coragem e transparência, nada mais que valores do ágil. 

O feedback não precisa ser algo formal, pode ser um bate papo com alguém que dividiu uma tarefa/projeto com você, leve, sem pressão, sem burocracias.

Tenha uma conversa clara, e isso não se aplica somente a chefes, gerentes, pessoas do próprio time podem dar feedbacks entre si, afinal, às vezes você sabe mais sobre o trabalho do seu colega do que seu chefe que viaja o ano todo…

E se você quer um feedback, não espera, peça! 

8-Veja o conflito como oportunidade;

O conflito por fim acaba sendo uma oportunidade de crescimento. Se você analisa o conflito, entende o problema e avalia uma solução, você estará melhorando seu processo.

Então enxergue o conflito como uma chance de crescer, melhorar, use-o como alimento para a própria equipe crescer.

O  conflito é nada mais, nada menos, que uma semente  para uma melhoria! 

Espero que vocês tenham gostado do conteúdo! Deixe abaixo seu comentário, sua pergunta ou dica para os nossos próximos conteúdos! 

Confira também essa dica sobre promover funcionários

Um abraço e Seja Ágil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}

Se Inscreva Para Receber Novos Artigos